02 setembro 2010

Destino

Você já foi minha confidente
Já lhe dei tudo o que passei de ruim
Você, comigo, inconsequente
E passamos pouco tempo juntos
Você, por mim, indiferente
Quando precisei que fosse
Você, assim, tão paciente
E eu, sem interesses e poses.

Você provou pra mim o que quer
E não disse uma palavra
Você mostrou pra mim quem és
E simples, me cativara
Você sumiu de mim, sem rastros
Deixou saudade indubitável
Você, hoje, pra mim, mulher
E eu em uma procura insaciável

Henrique Corrêa

Um comentário:

  1. Ai que lindo Henrique!!!
    Adorei
    Bjos
    @ro_wetler

    ResponderExcluir