20 julho 2011

Eu vi

Eu vi
Sem querer
Mas vi

Vi coisas que imaginei jamais ver
Vi o que acontece quando você não quer que aconteça
Vi o que você faz quando ninguém te vê

Senti
Sem querer
Mas senti

Senti que nada sairia do lugar
Senti que você não estava lá
Senti o que não devia ter sentido e o que não tem sentido

E aconteceu o que eu não via
E surgiu o que eu não sentia
E você voltou

Henrique Corrêa

08 julho 2011

Um dia qualquer

Um dia assim tão frio sem você aqui.
Um dia assim tão limpo, e eu aqui.

Tanta coisa pra se fazer e eu sem vontades.
Tanto brilho pra cuidar e eu sem vida.

Venha,
Trate-me como deveria ser.
Não se comporte comigo.
Não concorde com mais ninguém.

Venha,
Cuide do que é seu
E não espere para ser mais querida que já é

Esqueça quem não te entende
E perdoe-os depois

Aproveite meus momentos
Ajude-os a crescer
Faça parte

Henrique Corrêa