06 abril 2010

Coisas Periódicas

"Música de 1º de Abril de 2000. Letra e arranjos feitos por mim. Nada dura muito na nossa passagem pela terra. Tudo é determinado pelo tempo. Tudo dura pouco, nada é pra sempre. A vida nos dá coisas periódicas. Cabe a nós saber aproveitar os melhores momentos. Uma simples diferença pode diminuir o tempo de vida de muitas coisas..."

Coisas Periódicas (Henrique Corrêa)

Tudo bem que eu fui bem claro quando disse que não queria te ver
Ainda bem que você não parou o carro e não mandou-me descer
Tudo bem, tudo bem

Pense só naquele instante em que iniciou a confusão
Você se sentiu só mas como sempre foi eu quem ficou na mão
Tudo bem, tudo bem

O que será de mim agora sem você
A vida me deu coisas periódicas
Eu não posso te perder

Olhe pra mim e diga com ódio se é isso que tu quer
Se não tiver coragem é por que me quer
Tudo bem, tudo bem

Fique aqui e escute este som que fiz pra você
Quem sabe um dia ouvindo isso possa me entender
Ainda bem

Não tenho mais, agora, o que fazer
A vida me deu coisas periódicas
Preciso de você

Nada deu certo desde o dia em que você se foi
Sei que me quer mas está deixando tudo pra depois
E eu sem ninguém, sem ninguém

Não tenho mais, agora, o que perder
A vida me deu coisas periódicas
Mas eu preciso viver

4 comentários:

  1. Muito bom amigo, adorei e é por ai mesmo.
    Abraços forte

    ResponderExcluir
  2. Obrigado! Que bom que gostou. Valeu mesmo!

    ResponderExcluir
  3. Olá querido gostei!É por estás rações que, temos que fazer de cada momento o mais importante de nossas vidas, pois tudo passa!

    ResponderExcluir
  4. Olá Cristina,
    Esse é o recado da última frase do texto. Vou até copiar a frase do grande Renato Russo: É preciso amar as pessoas como se não houvesse amanhã.
    Obrigado por comentar.
    Volte sempre!

    ResponderExcluir