24 agosto 2008

O que você quer ser quando crescer?

Esta é uma pergunta bastante comum quando estamos no final do segundo grau, mas muita gente vive se perguntando isso por toda a vida. Por muito tempo eu vivi com esta dúvida, e muitas vezes recorri a ajuda de amigos.

Quando você expressa sua dívida, todos querem ajudar com suas próprias opniões sobre o assunto. Mas a dúvida continua, pois muitas vezes não é o que você realmente deseja. É sempre válido carregar opniões e gostos, o que fazemos desde nosso nascimento. Só não é muito recomendado você passar a gostar de uma coisa só porque fulano também gosta.

Eis que um dia eu decidi: Quero ser WebDesigner.



O web design é uma extensão da prática do design, onde o foco do projeto é a criação de web sites e documentos disponíveis no ambiente da web.

O web design tende à multidisciplinaridade, uma vez que a construção de páginas web requer subsídios de diversas áreas técnicas, além do design propriamente dito. Áreas como a arquitetura da informação, programação, usabilidade, acessibilidade entre outros.

A preocupação fundamental do web designer é agregar os conceitos de usabilidade com o planejamento da interface, garantindo que o usuário final atinja seus objetivos de forma agradável e intuitiva.


Não importa se eu vou ser o melhor ou se vou ganhar muito dinheiro. O que importa é que eu gosto disso. Nem sei ser um webdesigner. Não é fácil ser um, até mesmo porque o mercado local é muito tenso e temos que competir pela web com todos os outros webdesigners do mundo.

Acredito que, fazendo o que gosto, terei mais facilidade em aprender pois terei mais interesse. Terei mais tranquilidade de praticar pois terei mais conhecimento. E terei um futuro agradável e bem remunerado, por ter mais prática.

Faço o que gosto. Gostou? Posso ser seu webdesigner.

Nenhum comentário:

Postar um comentário